by Giselle Beiguelman

Algorritmos: existe net art depois do fim da internet?

Algorritmos é um disco totalmente dedicado ao tema da internet e da relação do homem com o computador. Cada uma das 15 faixas, todas de autoria de Marcelo Segreto (idealizador, compositor e arranjador do grupo), se baseia em um algoritmo ou processo computacional. As canções imitam os formatos interativos encontrados na web: o chat, as redes sociais, o post e comentários, os sites de busca, o software...

Curadoria de informação

Transformar o dado em informação e a informação em conhecimento depende de expertise, análise e interpretação.  Meu artigo sobre curadoria de informação, na página de Opinião do UOL...

arquinterface: a cidade expandida pelas redes

Começa nessa semana  arquinterface: a cidade expandida pelas redes. O projeto reúne designers, artistas, arquitetos e pensadores da área da comunicação e do audiovisual para discutir as novas relações das tecnologias com o imaginário urbano e como as artes operam hoje em interface com a arquitetura e a cidade. Contempla um seminário (dias 27 e 28), uma mostra artística, que começa dia 13/11, e um livro...

Cidades, Arte, Tecnologia

Nesta Web Série  produzida para a Design Weekend 2015, que tem o arquiteto Guto Requena como âncora e roteirista, compareço para discutir as relações entre cidade, tecnologia e arte hoje. Foi uma honra participar. ET: Até dezembro, no Rio de Janeiro e em São Paulo, a série ocupa as salas da rede Kinoplex, como trailer dos...

E-Poetry Buenos Aires

Junio nos sigue sorprendiendo: @UNTREF recibe la edición 2015 del Festival E-Poetry: Poesía+Tecnología se dan la mano. Os QR-COMMs estão presentes em uma programação de altíssimo nível. E-Poetry [ 2015 ] Buenos Aires Del 9 al 12 de junio 2015 / June 9-12,...

Da Cidade Interativa à Cidade Participativa

Projeto do carro Smart realizado em Lisboa permitia que o público dançasse dentro de uma cabine e transmitisse suas imagens para os semáforos em tempo real As cidades contemporâneas foram expandidas pelas tecnologias digitais. Elas permitiram a ocupação de fachadas com telas e acesso, via aplicativos, a informações que vão do fluxo do trânsito ao mapeamento de remoções decorrentes de obras públicas....

Desobediências tecnológicas (aula 6 – auh 5862)

A partir do projeto “Desobediencia Tecnologica” de Ernesto Oroza, marcamos algumas linhas de força para orientar nossa reflexão sobre tecnofagias, ruinologias críticas e ocupação dos territórios informacionais. Nesse contexto, destacamos projetos que dialogam com os seguintes discursos críticos: Consciência Planetária Sociedade de Controle Políticas do Corpo Virtualizado Design de...

Medo, vigilância e resistência (aula 5 – auh5862)

5,000 Feet is the Best from Commonwealth Projects on Vimeo. Retomamos as discussões sobre a biopolítica no cenário atual das redes para discutir algumas estéticas da vigilância e do ruído Entre outras obras e projetos analisamos: Heather Dewey-Hagborg – Stranger Visions, 2012-2013; Paolo Cirio – Street Ghosts, 2012 e Josh Begley – Dronestream, 2014. Textos de referência: P. Virilio. The...

The ARCHIVE OF DIGITAL ART features Giselle BEIGUELMAN

Em uma frase: What an honor! Afinal não é todo dia que se tem um reconhecimento desse quilate… Abaixo, o texto de divulgação distribuído pelo Archive of Digital Art sobre minhas obras e informações sobre o seu rigoroso trabalho sob a direção de Oliver Grau. The ARCHIVE OF DIGITAL ART features Giselle BEIGUELMAN Giselle BEIGUELMAN, internationally renowned media artist, scholar and curator is...

Internet de Quais Coisas? (Aula 02 – AUH5862)

Questões centrais: Com base no ensaio “Design and Crime” de Hal Foster, discutiremos a emergência de um “Capitalismo Design”. Contrapontos entre a concepção de “Design Total” do Estilo 1900 com a inflação do Design do séc. 21 A ubiquidade das redes e o anacronismo da noção de virtualidade como oposição ao real Aula 02 – AUH582: Internet de Quais Coisas? ...

Possible Futures: Art, Museums and Digital Archives

POSSIBLE FUTURES: ART, MUSEUMS AND DIGITAL ARCHIVES  Bilingual edition is dedicated to the discussion of preserving digital memory and culture, bringing together internationally renowned experts of the field of conservation of digital art, collections digitization, database politics and aesthetics The book Possible Futures: art, museums and digital archives is dedicated to the discussion of preserving digital...

Disorder as an essential paradigm

Glitched Landscapes is an invitation to face landscapes, all extremely urban, and to experience their disorder as an essential paradigm to their fruition. The project combines two concerns: the urban landscape and the networked audiovisual. It investigates aesthetics of noise, in particular the glitch, and the ways in which it dialogues with fragmented spaces and experiences we have of urban fractures....

Mobile art – links

Intervenções em Redes Urbanas (espaços cíbridos e expandidos na arte e na cidade contemporânea) é a disciplina que ministro na pós-graduação da FAUUSP. A ementa do curso está aqui. Os links dos projetos artísticos, abaixo ou diretamente...

Um museu de grandes novidades (velhas)

  A cultura pop celebriza o passado na música, na moda, no design, na arquitetura e no entretenimento, transformando o momento em monumento ao presente que não foi. Restaura-se tudo, de GIFs animados – tecnologia de animação da primeira época da internet – a filmes clássicos e blockbusters, a estéticas do VHS e games populares dos anos 1980, como o Atari. Entre lixos e obras-primas, fica a...

Memórias do Futuro de Uma Arte sem Passado

A net art foi desde sempre um problema no espaço, por não se enquadrar nas tradições expositivas. Tornou-se um problema para o tempo, desaparecendo com os sites que linkava, os servidores que a abrigaram e as tecnologias que consolidaram a obra A história da net art é recente, mas cheia de revezes. Eterna prima pobre da artemídia, pela acessibilidade intrínseca às redes que nunca caiu bem no crivo...
Página 1 de 3123