by Giselle Beiguelman

Museu dos [Corpos] Invisíveis

Museu dos [Corpos] Invisíveis no Mirante 9 de Julho Um documentário colaborativo sobre a cidade de São Paulo pensada como um campo de embate entre visibilidade e invisibilidade. Dividido em cinco blocos temáticos, coloca foco nos corpos que a historiografia tradicional subtraiu do discurso sobre a cidade: mulheres, homossexuais, trans, negros, os moradores da periferia, os sem-teto e o poder biopolítico...

How heavy is a cloud?

How heavy is a cloud?  is a multimedia installation comprising video, audio, stamps, and photography that occupies Galpão VB prompting the audience to venture into a mysterious, unknown territory of family inheritance. Born into a Polish-Jewish family, Giselle Beiguelman morphs into a traveler of memories for this project, visiting her family’s home country and questioning herself, investigating landscapes and...

Quanto pesa uma nuvem?

Quanto pesa uma nuvem? apresenta o resultado de minha pesquisa na Polônia. O projeto reúne as obras Perguntas às pedras [Série 3] (carimbos), Perturbadoramente familiar (áudio e postais) e Quanto pesa uma nuvem? (vídeo e fotografia), que ocupam o Galpão VB, a partir de 25/6. Curadoria: Ana Pato. As obras: Perguntas às pedras A série Perguntas às pedras constitui um mapa das minhas perplexidades em...

Perimetral de Cima a Baixo

Cinema Lascado (Chipped Movie) is an going video project by Giselle Beiguelman. It portrays devasted urban landscapes, where elevated expresways produced social fractures in the cultural territory of the cities in which they were built. Till now it focuses the Minhocão (“Big Worm”, officially the Costa e Silva elevated expressway) in São Paulo and the Perimetral (elevado Negrão de Lima), in Rio de Janeiro....

Disorder as an essential paradigm

Glitched Landscapes is an invitation to face landscapes, all extremely urban, and to experience their disorder as an essential paradigm to their fruition. The project combines two concerns: the urban landscape and the networked audiovisual. It investigates aesthetics of noise, in particular the glitch, and the ways in which it dialogues with fragmented spaces and experiences we have of urban fractures....

A machine to create cities

URnotHere is a machine to create cities that confronts the hyperlocative discourse of social media interfaces. It challenges us to create a new geography of nomadic territories on transitory maps. Moreover, the project aims to discuss the landscape art in the age of images production mediated by handheld devices, like mobile applications, geolocation features and all sorts of tagging resources. urnothere...

GB @UbuWeb

Comecei bem o ano. Alguns projetos meus mais e menos conhecidos, entre vídeos e poemas visuais, incorporados ao rigoroso e generoso acervo da UbuWeb, curado e editado pelo grande Kenneth Goldsmith. Os poemas fazem parte de fases distintas dos meus Poemas Nômades, como 2 + 2 = Crowd, abaixo, de 2003, e o QR-Poem, mais...

The QR-Comms

The Qr-Comms by Giselle Beiguelman Poetry Beyond the Text Final Exhibition The Royal Scottish Academy, The Mound, Edinburgh, EH2 2EL2 2EL Nov. 11th – Dec. 18th The QR-Comms is an interactive video mediated by QR-Comms. It  remixes the Ten Commandments, exploring new paradigms for artistic creation for the online environment. It investigates the fluidity of network identity and its artificial presence in...

O Processo e a Obra

  Participo hoje no Oi Futuro do projeto Vanguardas realizado pelo IETV. O debate de hoje discute o processo e a obra. Minha apresentação parte de três vertentes que aparecem com frequência em meus trabalhos: O Processo como Acidente: Obras que são resultantes de erros de programação, imprevistos de montagem, problemas de captação e edição. O Processo como Estratégia: Obras que se realizam pela...

Directors Lounge – Berlin

Cinema Lascado and CGH-SDU (Homage to the Minimal Information) are at the Directors Lounge (the 7th Berlin International Directors Lounge, 2011) . These videos will be presented at BRAZIL | RECENT ARTIST VIDEOS and WINDOWS programs. Kika Nicolela is the curator. For those who are in Berlin, follow the links above. Otherwise, watch them here: Cinema Lascado (Chipped Movie), trailer If you cannot see the video or...

Cinema Lascado

Nunca consegui fazer o hotsite do Cinema Lascado… Ficaram algumas definições: Cinema Lascado é Paleoweb + Pós-cinema. Cinema Lascado é uma incursão no Minhocão. Cinema Lascado é o vídeo depois de JODI. (Mark Amerika) Cinema Lascado é glitch. Cinema Lascado é um browser made movie. Cinema Lascado é uma videoinstalação que integra o acervo do MAC-USP desde março de 2015. Cinema Lascado é…...

Fora do Eixo, Fora de Casa, Entre Piratas

Participo do 2o Fórum Latino-Americano de Fotografia que acontece no Itaú Cultural (SP) a partir do dia 20. O evento, que se chama Fora do Eixo, Fora de Casa, é coordenado por Iatã Cannabrava e abrange mesas de debate, workshops e leituras de portfólio, entre outras atividades, além da exposição Histórias de Mapas, Piratas e Tesouros, com curadoria de Edu Brandão e do coletivo Cia de Foto. Na...

CGH-SDU (Homage to the Minimal Information)

In this video the landscape is reduced to its minimum informative elements – dominant colors and sounds -, converting movement in a flow of textures and volumes modulated by ligth. Recorded with a Flip video camera during landings and take offs, between the urban airports of São Paulo (Congonhas, CGH) and Rio de Janeiro (Santos Dumont, SDU), in one day of July. Languages: Portuguese and English. Giselle...

Arte e Vanguarda na Internet

Arte e Vanguarda na Internet é o título da série de conferências que o CCBB apresenta, numa produção (impecável) da Texto Intermidia. O ciclo, que já aconteceu em Brasília — onde furei, em virtude do vulcão— continua agora no Rio, onde debato com Ivana Bentes, uma das cabeças mais interessantes da cultura digital. O tema de hoje é web arte. Pediram-me duas coisas: Uma apresentação off...

A Revolução será Digitalizada

A revolução será digitalizada Por Giselle Beiguelman Formatos emergentes reinventam os modos de difusão das imagens e anunciam o cinema da era da conexão  Nunca tantas imagens foram produzidas. E, mais importante, nunca foram colocadas tantas imagens em circulação. A popularização das câmeras digitais e a multiplicação dos canais de distribuição explicam essa situação. Mudam com isso modos de...
Página 1 de 3123